rapel1_edited.jpg

CURSO DE INSTRUTOR DE RAPEL  CBR  "FALSO (FAKE)"

PESQUISE ANTES E NÃO SEJA ENGANADO

 
cuidado.jpg

NÃO EXISTE CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE RAPEL OU CURSO DE RAPEL HOMOLOGADO

PESQUISE ANTES E NÃO SEJA ENGANADO

  1. TOME CUIDADO E NÃO CAIA NESSE GOLPE

  2. NÃO EXISTE NENHUMA "CONFEDERAÇÃO BRASILEIRA DE RAPEL QUE SEJA OFICIAL" (http://www.rapel.esp.br/).

  3. NÃO EXISTEM COMPETIÇÕES DE RAPEL E MUITOS MENOS AS NORMAS MENCIONADAS NA PÁGINA ACIMA.
    CDM5003 - Instrutor de Rapel
    CDM5002 - Rapel Avançado
    CDM5001 - Rapel Básico


INFORMAÇÃO: Qualquer pessoa pode registrar o domínio de um site com o nome que desejar, assim também como pode registrar uma empresa com qualquer nome e criar um cnpj.  

AS NORMAS referentes aos esportes de aventura FORAM DEFINIDAS PELA ABETA (Associação Brasileira de Esportes e Turismo de Aventura) juntamente com a ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas) e são essas as diretrizes que devem ser seguidas.

O domínio acima (www.rapel.esp.br) foi registrado na FAPESP (que cuida do registro de sites da internet) com o intuito de iludir as pessoas a acreditarem que existe essa CONFEDERAÇÃO ou dizer que o curso é HOMOLOGADO.

Foram registrados também os 05 domínios abaixo e criada uma página como sendo uma CONFEDERAÇÃO, outra como sendo um INSTITUTO DE DESENVOLVIMENTO DE RAPEL (IDR), outra página como uma EQUIPE DE RAPEL e a última como uma EMPRESA DE RAPEL.

 Cada página foi criada como sendo de um estado do Brasil (São Paulo, Rio de Janeiro, Espírito Santo) para que cada uma delas fizesse referência à página (www.rapel.esp.br) e desse credibilidade.

São páginas simples, com informações básicas, algumas nem telefone tem mas com o intuito de fortalecer uma Confederação que não existe. 


As páginas do facebook dessas equipes possuem poucas curtidas e, basicamente, uma curte a outra.


No instagram deles (https://www.instagram.com/idr.srv.br/) verá que há poucas publicações e poucos seguidores, muitos deles, provavelmente "comprados". Basta entrar nos perfis e analisar.

AS FOTOS estão com o rosto dos alunos desfocados, como se quisesse escondê-los. PORQUÊ?

PARA VERIFICAR O QUE ESTAMOS DENUNCIANDO, BASTA CLICAR NO LINK ABAIXO, DA FAPESP (responsável pelo registro de domínios).
Verá que uma só pessoa é dona de todos os registros:

Confederação Brasileira de Rapel

https://registro.br/tecnologia/ferramentas/whois/?search=rapel.esp.br

I.D.R.

https://registro.br/tecnologia/ferramentas/whois/?search=idr.srv.br

Ponto Extremo

https://registro.br/tecnologia/ferramentas/whois/?search=pontoextremo.com.br


R1 Adventure

https://registro.br/tecnologia/ferramentas/whois/?search=r1adventure.com.br

Cobras Rapel

https://registro.br/tecnologia/ferramentas/whois/?search=cobrasrapel.com.br


rapel.ong.br

https://registro.br/tecnologia/ferramentas/whois/?search=rapel.ong.br

Verá que TODOS FORAM REGISTRADOS POR UMA ÚNICA PESSOA , assim como também não existe a "norma de segurança NTE501" ou qualquer outra, que ele mesmo criou.


E, se observar nos sites, as parcerias mencionadas são entre os domínios registrados por ele mesmo, com selos que ele mesmo inventou. 

No vídeo da pagina rapel.esp.br onde aparece como prêmio CBR Best Record - Campeonato de 2018 só aparece uma pessoa e com técnicas totalmente fora das normas. Ex: freio oito dentro da calça antes de prendê-lo na cadeirinha, falta de capacete e montagem errada do cordelete no final, antes da descida esquisita sem contar a corda utilizada.

NÃO EXISTE CAMPEONATO DE RAPEL

Sobre esses vídeos (2017 e 2018) há uma série de erros básicos de procedimentos.

https://vimeo.com/261416854  - 2017

https://vimeo.com/284268165 - 2018


RESUMINDO:

FORAM CRIADOS VÁRIOS SITES DE INTERNET, cada um com um propósito e interligando as informações para parecer uma empresa séria e que segue padrões e normas que, na verdade, foram definidos por ele.


AVISE SEUS AMIGOS E PROCUREM EMPRESAS SÉRIAS. HÁ MUITAS NO BRASIL, COM REFERÊNCIAS VERDADEIRAS.


ESTOU APENAS ALERTANDO AS PESSOAS para que não caiam nessa “armadilha” e gastem dinheiro com um "CURSO INVENTADO" QUE NÃO SEGUE AS NORMAS VERDADEIRAS QUE REGEM A ATIVIDADE DE RAPEL.

PROCURE INFORMAÇÕES NOS SITES OFICIAIS:

NORMAS OFICIAIS PARA A PRÁTICA DO RAPEL:

  • ABNT NBR 15501:2011 - Turismo de aventura — Técnicas verticais — Requisitos para produto

  • ABNT NBR 15502:2011 - Turismo de aventura — Técnicas verticais — Procedimentos